• @memoriasabordo

4 dias em Natal-RN

Natal é um de nossos destinos preferidos do Nordeste. Cenário inesquecível com dunas, falésias, piscinas naturais e recifes. Paisagens deslumbrantes, com divertidos passeios por terra ou mar, natureza preservada e diversas opções de lazer durante a noite. Passamos 6 dias em Natal e aproveitamos tudo ao máximo!


ROTEIRO:


Dia 1:


PRAIA DE PONTA NEGRA


É super bonita e ali há dois pontos turísticos essenciais: o Morro do Careca, ao fundo, e um letreiro de Natal, no calçadão. Ponta Negra é uma praia urbana, muito badalada possui calçadão com animadas barracas e um belo mar, todos os dias pode-se observar surfistas, praticantes de kitesurf e windsurf por lá.


MAIOR CAJUEIRO DO MUNDO


Ele fica em Pirangi do Norte, a pouco mais de 20 minutos de carro da região de Ponta Negra. O cajueiro está registrado no Guinness Book como o maior do mundo. Um mirante permite observar a árvore de cima. Vale a visita!


VILARTE


Galeria com lojas e restaurantes. Dá pra comprar souvenirs, roupa e artesanatos e, nos fins de semana à noite, também rola forró por ali. A algumas quadras do Vilarte fica a Feirinha de Artesanato de Ponta Negra.

Dia 2:


PIPA:


Pipa fica localizada no litoral Sul, a 80 km da cidade de Natal. O lugar encanta por uma beleza estonteante, uma natureza intocada e falésias. Algumas das praias mais famosas do Rio Grande do Norte estão aqui. Praias lindas, cercadas por falésias, e um centrinho animado e com várias opções gastronômicas e ruazinhas charmosas pra bater perna. No caminho vale fazer uma parada para conhecer Tibau do Sul.


Destaques em Pipa:


- Mirante do Chapadão: um dos principais postais de Pipa. É uma enorme falésia de tom avermelhado, de lá é possível avistar as praias da região e tirar fotos incríveis com vista panorâmica do mar.

- Praia do Amor: olhando do alto, ela tem formato de coração, por isso o nome da praia. Tem ondas agitadas e altas, o acesso é feito por uma escadaria improvisada que leva à areia.

- Baía dos Golfinhos: uma praia muito sossegada e preservada, famosa por ser o lugar onde os golfinhos dão o ar da graça, a única maneira de se chegar a baia do golfinhos é a pé ou de barco.



Dia 3:


Parrachos de MARACAJAÚ:


Uma delícia de passeio! Maracajaú fica a 60 km de Natal e surpreende pelas suas águas cristalinas, pelos seus parrachos e recifes de corais a 7 km da costa, que abrigam centenas de espécies de fauna e flora oceânica e as piscinas naturais que se formam de acordo com a maré. Um lugar lindo pra fazer um milhão de fotos embaixo d'água junto aos milhares de corais e peixes coloridos.


Contratamos o passeio de Maracajaú com tranfer a partir do hotel, chegamos até um ponto de apoio- chamado Parrachos Praia Clube - um clube com restaurante e piscina a beira mar, de onde parte o catamarã que leva aos parrachos (geralmente a máscara, snorkel e taxa de preservação ambiental estão inclusos no preço). Aproveite para capturar imagens subaquáticas lindas!


| • DICA • | Alguns catamarãs oferecem o mergulho com cilindro com um preço bem legal. Aproveite a oportunidade!


conheça a praia dos Artistas e o Centro de Artesanato que tem por lá - aproveite para experimentar a famosa "Cartola" (um doce típico feito de banana, queijo e canela)


Dia 4:


DUNAS DE GENIPABU - passeio de buggy


Se tem um passeio que podemos chamar de IMPERDÍVEL em Natal é esse. Além de divertido e com MUITA emoção (ou não), você conhece lugares lindos e se diverte MUITO. Além das dunas do Parque Turístico Ecológico Dunas de Genipabu, quem vai para a região acaba incluindo também o passeio até as lagoas, como a Lagoa de Jacumã e a Lagoa de Pitangui. O passeio dura o dia todo (média de 7h). O roteiro inclui várias praias, parques de dunas e lagoas. No caminho, temos paradas com tempo para de tirolesa, esquibunda e dromedários, além das paradas para banho, fotos e almoço (geralmente não incluso). E com emoção é muito melhor (que é a forma como o bugueiro vai descer as dunas, que é muito mais divertido!).


| • DICA • | em diversos pontos do passeio, aparecerão pessoas vendendo CDs com fotos suas que você nem viu tirar. Vale pechinchar, no final o preço cai bastante!


a noite, reserve um tempo para jantar no restaurante mais famoso da cidade, o 'Camarões', o preço é meio salgado, mas vale cada centavinho gasto lá. Os pratos e serviços são divinos.


 

ONDE SE HOSPEDAR


A região mais comum de hospedagem em Natal é Ponta Negra. Lá estão as principais opções de hospedagem, pela localização super conveniente: próxima à orla da praia de Ponta Negra e do Morro do Careca, um dos principais cartões postais de Natal. O bairro é o mais badalado de Natal, ficamos hospedados no Soleil Garbos Hotel, que fica há 2 quadras da praia. Reservar


Curtiu as dicas?

Manda pros amigos que vão adorar um passeio com muita emoção pelas dunas de Natal!


:: Acompanhe nossas viagens em tempo real no nosso Instagram: @memoriasabordo